O meu olhar

Todo lugar pode ser interessante. E todo mundo tem uma história para contar. É apenas uma questão de olhar...

IE1A9504.jpg

Fotos: Magê Monteiro

Sou mineira, nascida e criada em Belo Horizonte. Amo esta capital. Sou apaixonada por Minas Gerais. E acho que fui bem criada para isso...

Desde pequenina perambulo pelas ruas de Beagá.  Na minha infância, meu pai me arrastava pelo braço pra todo canto. Eu suava para acompanhar os passos largos dele. As caminhadas eram longas e sempre educativas, com várias pausas. Ele me mostrava os prédios importantes da cidade, me ensinava a distinguir as diferentes árvores e me contava a história dos nomes das ruas e das avenidas da cidade. Eu era incrivelmente sensível. Ouvia e observava. Mas a minha atenção desviava um pouco...

Tudo me era curioso: do céu ao telhado. Do teto ao chão. Cada detalhe me encantava. Os troncos ásperos das árvores, o tapete grudento do elevador, a pele cheia de riscos do velho, o vai e vem do cabelo da menina. Eu me interessava por todos. Pelo porteiro do prédio, o dono da banca de revistas, o vizinho bebum, a criança pobre no sinal. Eles me enchiam de curiosidade e eu os enchia de perguntas. Por que você é pobre?  Você trabalha no domingo? Por que você bebe? Você não tem mulher não?

IE1A8431.jpg

 

Com minha mãe, belo-horizontina, o passeio era brinquedo e pracinha, seguido de um sabor mineirinho... Doce de leite, goiabada com queijo, pêssego em caldas, bombons, trazidos das mais diversas cidades do interior, durante as nossas viagens. Eu me acostumei a pegar estrada de terra, de tempos em tempos, para recarregar as energias em cachoeiras ou em ruas de pedras de cidades históricas. 

Eu pertenço a Minas Gerais e tenho orgulho de ser mineira. Tenho uma coleção de lugares, pessoas e coisas que merecem ser divididas. Por isso, resolvi criar este projeto.

Se você é curioso e gosta de uma boa prosa, vem comigo!!

Sejam todos muito bem vindos!